sábado, 17 de abril de 2010

:: ADOBE CS5 :: Review

No dia 12 de abril, a Adobe anunciou o lançamento do Creative Suite 5.
Há algumas semanas atrás, notícias sobre as novidades do CS5 foram ditas na internet, mas agora, oficialmente, este blog vai mostrar todas as novidades (ou boa parte delas) do InDesign CS5.

No final deste post, você poderá assistir uma apresentação de 30 minutos sobre o InDesign CS5 feito pela Adobe TV.


AS NOVIDADES

INTERATIVIDADE
Grande parte das novas funcionalidades do InDesign CS5 se voltam para documentos interativos.

Começamos pelo início de tudo.
A caixa de diálogo "New Document", agora possui o menu Intent que, permite escolher entre criar um novo documento para web ou para impressão. Ao selecionar "web" o programa configura o tamanho do documento para 800x600 pixels (por padrão), a opção de páginas espelhadas é desativada e o modo de transparência e as swatches de cor são definidas como RGB.

Se você achava que o InDesign não possuia paineis o suficiente, agora são 5 novos paineis de interatividade:


  • Animation Panel: Não precisa se preocupar com timelines ou tweening frames ou nada parecido com as ferramentas que possuem no Flash para a criação de uma animação no InDesign. Você pode animar qualquer objeto que interaja com a página ou uma ação de botão de forma fácil e simples com o painel Animation. Basta selecionar um objeto ou um grupo de objetos e escolher que tipo de animação deseja aplicar a eles.

    Não faz idéia de como funciona as aplicações?
    Não se preocupe, porque o próprio
    Animation Panel, mostra como funciona cada ação na tela por meio de um ícone representado por uma borboleta.

    Obs.: As animações somente aparecem quando você exporta o arquivo em SWF (não em PDF), mas aqui vai o primeiro truque do InDesign CS5: Para que uma animação apareça em PDF, exporte apenas o objeto animado em SWF (Export Selecion é uma nova opção dentro da caixa de diálogo do SWF Export) e depois importe o arquivo SWF dentro do layout do InDesign, substituindo o objeto.
    Quando você exportar o layout para interactive PDF e visualiza no Reader ou no Acrobat 9, a animação aparece!



  • Object States Panel: Permite criar, editar e gerenciar um novo tipo de objeto denominado Multi-State Object.
    Como assim?
    Imagine um grupo de objetos onde apenas um único objeto deste grupo está visível. Isto é o Multi-State Object. A visibilidade dos objetos é controlada por ações criadas no Object States Panel. Possibilitando criar, por exemplo, slideshows e textos que interagem com o clique do mouse;

  • Timing Panel: Se você possui mais de uma animação dentro de uma página e quer organizar a ordem em que cada aparecerá, basta organizar as animações dentro da Timing Panel na ordem em que você deseja que elas apareçam. É simples e intuitivo uma vez que você brinca com esta ferramenta. Inclusive, você pode até fazer com que as animações aconteçam simultaneamente, sem necessidade de escrever uma linha sequer de códigos e programação;



  • Media Panel: Este é o local que se concentra todo o gerenciamento de vídeos, áudio e arquivos SWF. Na versão CS5, é aceito os formatos SWF, FLV, F4V, MP4 e MP3. Qualquer destes formatos podem ser pré-visualizados no Media Panel. Os formatos que são aceitos nas versões anteriores, ainda continuam sendo aceitos na versão CS5, porém não podem ser pré-visualizados no painel.
    Uma solução para isso, seria converter estes formatos para FLV ou F4V antes de imporá-los no
    InDesign, via Adobe Media Encoder, que já vem instalado junto do InDesign CS5.
    E mais, Você pode usar o
    Navigation Points dentro do Media Panel para criar pontos de referência dentro do seu vídeo, para que o usuário possa "pular" diretamente para uma parte específica do vídeo.



  • Preview panel. Agora você pode visualizar as transições de páginas, botões e ações de vídeos, áudio e toda a nova interatividade do CS5 dentro do próprio InDesign sem precisar exportar para SWF ou PDF Interativo.

Estes paineis são bem simples e fáceis de usar.
Uma das vantagens para se trabalhar com multimídia no InDesign CS5 é a facilidade em exportar arquivos para PDF interativos ou Flash. Você pode, por exemplo, criar uma página com objetos interativos, exportar este arquivo para o Flash e continuar animando no flash. Depois, importar para o InDesign e continuar o trabalho. Na versão cs5, as duas plataformas conversam muito bem entre si.

Além destes novos paineis, aqui estão algumas melhorias de interatividade e cross-media que você precisa saber:
  • Conversão de URLs para Hyperlinks: Um novo comando no Hyperlinks panel chamado Convert URLs to Hyperlinks, funciona como o GREP Find/Change para todas as URLs e e-mails dentro do documento (ou dentro da story ou da selection). O InDesign os converte em hyperlinks e aplica, opcionalmente, um estilo de caracter.

  • Exportação para PDF interativo: Esta é uma grande mudança que pode deixar o usuário um pouco confuso a princípio. Se você quer que seu arquivo PDF inclua botões interativos ou transições de páginas que criou no documento de InDesign, você precisa ir em File > Export e escolher Adobe PDF (Interactive). Isto fará com que seja permitida não só a aplicação destas ações como também permite configurar o tipo de visualização da página (modo view, presentation e layout) quando o PDF for aberto no Reader ou no Acrobat.
    OBS.: É importante salientar que o PDF interativo só pode ser visualizado corretamente nas versões 9 do Reader ou Acrobat.

    No
    InDesign CS5 ainda existe a opção File > PDF Presets menu, com todas as configurações de preset do CS4. Você perceberá que os únicos elementos interativos que você pode incluir opcionalmente no PDF são hyperlinks e bookmarks. É estranho, mas a Adobe deixou de fora um preset próprio para PDF interativo neste menu.

  • Exportação para Flash Professional melhorada: Quando você escolhe Flash CS5 Professional como formato de exportação, o InDesign cria um arquivo FLA (não mais .XFL). O texto permanece intacto e você, agora, pode incluir todos os botões, vídeos, áudio e animações para continuar o trabalho dentro do Flash posteriormente.

NOVAS FERRAMENTAS

O InDesign CS5 possui duas novas ferramentas no Painel Tools: Gap tool e Page tool.

Gap tool
Enquanto a ferramenta Selection seleciona objetos e a ferramenta Direct Selection seleciona partes de um objeto, a nova ferramenta Gap ajusta o espaço em branco entre dois objetos.
O único problema da ferramenta Gap é que ela trabalha com teclas de atalho para algumas funções mais avançadas. Porém, o InDesign CS5 possui um painel chamado Tool Hints que pode ser encontrado em Window > Utilities > Tool Hints, e permite encontrar dicas para cada ferramenta do programa.



Page tool
Uma das ferramentas mais incríveis do InDesign CS5 que permite redimensionar o tamanho das páginas de um documento individualmente, lembrando um pouco a ferramenta de Artboard do Illustrator CS4.
Você também pode aplicar em páginas-mestres e reposicionar o conteúdo de uma página em diferentes layouts.



TRABALHANDO COM OBJETOS

A Adobe trabalhou em várias ferramentas que auxiliam ao trabalhar com objetos. Vejamos:

GRIDIFY
Na versão CS4, o Object grids já era permitido como você pode ver neste post. Agora, na versão CS5, esta ferramenta ficou bem mais simples, basta você selecionar a área com o cursor do mouse e utilizar as setas do teclado para construir as grades para os objetos.
Gridify também funciona quando você duplica um objeto utilizando com Alt+Arrasta.

CONTENT GRABBER
Até a versão CS4, quando você importava uma imagem dentro de um frame menor que a imagem, para ajustar manualmente a posição da imagem, você tinha que selecionar a ferramenta de seta branca (direct seletion tool), clicar sobre a imagens e arrastar pelo frame até ajustá-la à posição desejada. Na versão CS5, a ferramenta de seta branca, para este fim, pode ser totalmente descartada e substituída pela função Content Grabber que aparece em forma de um "alvo" ao passar o cursor do mouse sobre um frame de objeto. Daí, com a ferramenta de preta (Selection tool), basta você clicar sobre este "alvo" e arrastar da mesma maneira que faria com a seta branca nas versões anteriores.
Esta ferramenta também funciona para selecionar apenas um objeto dentro de um agrupamento. Assim como no Illustrator, dê um duplo-clique para selecionar um objeto dentro de um agrupamento. Duplo-clique novamente para selecionar o grupo.
Você também pode rotacionar uma imagem sem rotacionar o o frame.



LAYERS PANEL
O Painel Layers foi reconstruido e agora funciona como o painel Layers do Illustrator. Os elementos podem ser dividos em sub-layers, além de permitir a seleção de apenas um objeto. Você pode agrupar, ocultar, bloquear... Se você está familiarizado com a paleta Layers do Illustrator, vai saber mexer na paleta do InDesign.




LIVE CORNER
Quer deixar o acabamento das fotos mais moderno?
Com a ferramenta Live Corner é possível alterar o diâmetro e a forma de um ou mais lados da borda do frame da imagem. Se não gostar do resultado, você pode facilmente reverter para o original.




STROKE/FILL
A Adobe adicionou atalhos no painel de controle para Strike e Fill (uma swatch de cor para fill e uma para stroke). Evitando agora mais uma paleta aberta no workspace.

TRABALHANDO COM TEXTOS

Como era de se esperar, a Adobe facilitou nossa vida quando falamos em edição de texto dentro do InDesign. Vejamos:

Column Spanning and Splitting
Outra novidade bem legal e bem simples é a possibilidade de modificar o layout de colunas de texto. Por exemplo, um texto aplicado em uma coluna simples e logo abaixo uma lista de itens que estão dividos em duas colunas. Até a versão CS4, você teria que criar duas text frames e encadea-las. Agora, basta você selecionar o texto e informar quantas colunas deseja que aquele texto aplicado seja dividido.





Track Changes
Esta ferramenta possui no InCopy há anos e agora também no InDesign. Possibilita gravar as alterações no texto, rever as mudanças, aceitar ou ignorar as alterações e muito mais. Tudo isso pode ser feito no novo painel Track Changes, além de fazer um relatório informando quem efetuou cada alteração no documento. Facilidade na vida do revisor/ editor/ diagramador.



Fonte Padrão
Pequena mudança que talvez poucas pessoas percebam, mas estou feliz em anunciar que a fonte padrão do InDesign mudou e agora é a Minion Pro acabando com toda a dor de cabeça da Times Roman.

Document Fonts
Você faz um package de um documento e envia para alguém. Você incluiu as fontes, mas o usuário que recerá o arquivo simplesmente não sabe instalar as fontes, ou esqueceu de instalá-las antes de abrir o arquivo.
Na versão CS5, tudo muda porque o InDesign automaticamente visualizada e usa as fontes que estão dentro da pasta Document Fonts (que foi criada no package). E assim que você fecha o arquivo, o sistema desinstala as fontes deste projeto automaticamente.

TRABALHANDO COM ATALHOS

MINI-BRIDGE
O Adobe Bridge é um programa ótimo, porém tem um grande problema: Poucas pessoas aqui no Brasil tem o costume de utilizá-lo, justamente por ser um programa separado dos demais.
A grande sacada do CS5 é o mini-bridge. Uma versão simplificada do Bridge que é aberto dentro do InDesign, como se fosse uma paleta. O Mini-bridge não permite apenas navegar pelos arquivos externos mas também mostra todos os links de um documento agrupando-os em uma pasta temporária.

Sabe aquele designer "super organizado" que tem um documento com 200 links, cada um em uma pasta diferente? O mini-bridge faz o trabalho sujo e agrupa todos os links numa única pasta, facilitando a visualização e consulta dos arquivos linkados em um documento específico.

LIVE CAPTIONS
Metadata sempre foi pouco comentado e pouco trabalhado, mas na versão CS5 ele faz parte essencial de um recurso chamado Live Captions que permite adicionar legendas em imgens e trabalha extraindo as informações que estão contidas dentro de metadatas. Quando você altera uma informação dentro do metadata, a legenda é alterada automaticamente.

PEQUENAS GRANDES MELHORAS

Finalmente, aqui vai uma lista de algumas pequenas/grandes melhoras que merecem ser comentadas.

Start Page Number
Como começar um documento que não seja na página 1?
Agora está bem mais fácil configurar esta opção, dentro da caixa de diálogo de New Document.

Presentation Display Mode
Quer mostrar o projeto para seu chefe ou cliente sem que apareçam as paletas, as linhas guias e toda aquela interface maluca?
Pressione Shift+W e o programa habilitará o modo de visualização (Preview mode), e ainda esconde toda aquela bagunça de menus e painels.

Color Labels
Você pode agora criar uma cor de identificação para cada página dentro do Painel Pages, o que facilita na localização de uma seção específica em documentos grandes.

Background Export
Cansado de esperar a exportação de um documento gigantesco?
Não precisa mais esperar, porque o
InDesign CS5 agora exporta para PDF e IDML como plano de fundo.

Zoom in Dialog Boxes
Agora você pode dar zoom in / zoom out no documento enquanto qualquer caixa de diálogo está aberta, basta pressionar Ctrl + Mais ou Ctrl + Menos.

Eu sei que ainda estou esquecendo de colocar aqui mais dezenas de novas ferramentas mas a partir de maio/junho o software oficial estará disponível à venda e todo mundo vai poder botar a mão na massa.

4 Opiniões:

Eduardo disse...

Olá Márcia!
Excelente artigo, parabéns e obrigado por partilhar :)

Paulo disse...

Tenho vários objetos em uma página como faço para exportar apenas um deles? Agradeço o esclarecimento. Excelente artigo.

Gilmar S.C disse...

Excelente postagem! - Eu já adorava o CS3 e até apanhava um bocado dele; e agora com o CS5 eu tô levando uma surra federal.

Dominar essa "F1 do designer", é qualquer coisa de louco, é teste de paciência e conhecimento pra lá do extremo.
(ao menos para mim, é lógico!)

Mas o "Márcia Mármore", existem mais "tutos" do InDesign pra aprendermos mais coisas?

"Judanóis aí"!!!!!

Parabéns pelo belíssimo artigo!
E parabéns também pelo dia do Designer Gráfico! (Se não me engano é hoje mesmo!)

Obrigado!

kArlOs xíKânO disse...

Olá Márcia, gostaria de uma ajuda sua.. Criei um documento interativo em SWF no prórpio IN Design. Ao gravar este arquivo, juntamente com os outros arquivos linkados em um CD, ele não abre os arquivos de filmes em computador Windows. Vc saberia me dizer onde está o problema?? Obrigado, Karlos